Os famosos ovos Fabergé

A Páscoa é a data litúrgica mais importante da Igreja Ortodoxa Russa. É um momento de festejos e confraternizações, tendo como tradição a troca de ovos de galinha decorados, que representam o símbolo da vida renovada pela esperança.

A história dos famosos ovos Fabergé começa em 1885, quando o czar Alexandre III, em comemoração à Páscoa, pediu ao joalheiro Peter Karl Fabergé, que fizesse uma joia em forma de ovo, para presentear a esposa, a czarina Maria Feodorovna. A partir deste momento os ovos tornaram-se tradição e foram feitos até 1917, por encomenda dos czares Alexandre III e Nicolau II, pai e filho respectivamente.

1 ovo

Primeiro ovo Fabergé

As peças têm cerca de 13 centímetros, feitas de metais como ouro,  prata, níquel, platina ou cobre, decoradas com desenhos em detalhes coloridos, com pedras como o quartzo, rubi, diamante, jade e lápis-lazúli.

Foram produzidos 50 ovos, mas 8 deles se perderam depois da Revolução Russa, época em que a família foi proibida de continuar a produção e em seguida afastada da empresa, que passou a ser controlada pelos bolcheviques. Como são consideradas verdadeiras obras da joalheria, hoje eles se espalham por museus, como o Palácio do Arsenal do Kremlin, em Moscou, e coleções particulares.

OVO-FABERGE

Fabergé - Coroação 1897 faberge-imperial-vodka faberge3

Em 2007 a família retomou o contato com a empresa, o que resultou no relançamento da marca, em setembro de 2009.

Na Páscoa de 2012 a Fabergé fez o caminho inverso e encomendou 200 ovos pra artistas e marcas como a Mulberry, Mary Katrantzou, Marc Quinn, Zaha Hadid, Diane von Furstenberg, Chapman Brothers, entre outros.

ovos famosos

Ovos de Diane Von Furstenberg, Tommy Hilfiger e Zaha Hadid

Anúncios

O elefante e seus significados

Culturalmente falando, o brasileiro é um povo que tem uma ligação muito forte com tudo aquilo que tem significado, seja para atrair sorte, espantar o mau olhado e inveja e até mesmo para trazer dinheiro.

Diante disso, qual o significado do elefante?

Elefantes de madrepérola e marfim com ouro 18K.

A resposta para esta pergunta vem da Índia, onde o elefante é um animal venerado.

Um dos deuses mais queridos e populares do hinduísmo – lord Ganhesh, tem a cabeça de um elefante. É considerado o deus que abre os caminhos, afasta obstáculos, protege as casas. Além disso é o senhor do raciocínio prático, da inteligência, do aprendizado, do bom senso e da força.

Para se ter ideia de tamanha devoção, todos os anos, na cidade indiana de Jaipur, é celebrado o Festival do Elefante. Neste evento, os tratadores de elefantes esmeram-se para vesti-los e pintá-los da forma mais bonita, na esperança de ganhar o título de “elefante mais bonito”.

Para nós, o elefante é considerado elemento de sorte e para atrair riqueza e prosperidade. Por este motivo é usado desde a joalheria até a decoração.

Para adornar ambientes, o ideal é que seja colocado de costas para a porta de entrada, pois dizem que é nesta posição que atrai sorte e evita a falta de dinheiro.

E aí vai uma dica: acaricie a tromba do seu elefante toda vez que sentir a necessidade de uma ajudinha extra, ao iniciar seu dia, para trazer felicidade e saúde à todos ao seu redor.

Ah, use sempre elefantes com a tromba para cima!

Colares – joia com significado

A joalheria está repleta de símbolos e significados, desde a escolha dos metais, formatos até o uso das pedras, já que cada uma tem um significado diferente.

Sendo assim, estamos lançando uma coleção de colares de prata com pedras naturais, com bons significados.

Vocês sabiam que antigamente os colares eram usados próximos ao coração, porque acreditava-se que as pedras que o compunham poderiam ajudar a trabalhar as emoções ou atrair e reforçar o amor?

Quartzo rosa: É conhecida como a pedra do amor. Estimula a capacidade de amar, ajudando nas relações afetivas.

Dolomita: Tem efeito calmante sobre o corpo e a mente, equilibrando os desejos e as necessidades.

Sodalita: Desperta a intuição, promovendo harmonia e intelectualidade.

Crisopázio: Estimula a autoconfiança. Está ligada a prosperidade, proteção e a saúde.

Há ainda colares com pedras como Ônix, Olho de Tigre e Madrepérola. Um ótimo presente para o Dia das Mães!

O mundo das pérolas

A pérola é considerada a mais perfeita das gemas. Ao contrário das outras, não necessita lapidação ou polimento, pois já nasce bela.

É um clássico da joalheria, simbolizando perfeição. E sabe por quê?

A cada cem ostras apenas uma tem uma pérola perfeita.

Existem várias tipos e cores de pérolas: South Sea, que são as maiores e mais valiosas, as barrocas, que são mais irregulares, pérolas negras, também consideradas pérolas do Tahiti, entre tantas outras.

É um símbolo de feminilidade e sempre são bem vindas a um porta-joias.

Hoje em dia, há composições muito contemporâneas com as pérolas, como a mistura com outras pedras, em colares mais longos ou até mesmo com outros metais, como o ouro rosa.

Conseguem conferir um ar elegante ao visual, seja através de uma combinação de t-shirt e calça jeans ou um lindo vestido de festa.

Colar longo de pérola barroca, granada, cherry e turquesa – um pedacinho da próxima coleção!